Notícias » Mundo

 

Últimas notícias

  • 10/11 15:04 - Mais de 100 toneladas de lixo são encontradas em penitenciárias de Itamaracá

    Continuar lendo
  • 9/11 21:13 - Mega-Sena especial tem 3 sorteios e prêmio de R$ 55 milhões nesta semana

    Continuar lendo
  • 9/11 21:09 - Campanha contra câncer de próstata do Hospital Português vai atender até 300 homens

    Continuar lendo
  • 9/11 21:08 - Atentado com mulheres-bomba deixa 4 mortos no Camarões

    Continuar lendo
  • 9/11 21:06 - OAB fechará posição sobre apoio ou não ao impeachment no início de dezembro

    Continuar lendo
  • 9/11 21:04 - Relator setorial do Bolsa Família contraria Barros e rejeita corte

    Continuar lendo
  • 9/11 20:59 - UPE começa a divulgar os cartões de inscrição do SSA3

    Continuar lendo
  • 9/11 20:58 - Agência do Trabalho oferece vagas de emprego em Santa Cruz do Capibaribe

    Continuar lendo
  • 9/11 20:57 - Duas mulheres morrem após colisão entre carro e cavalo em Garanhuns

    Continuar lendo
  • 9/11 20:56 - Família diz que menino morreu atropelado por metrô no Recife

    Continuar lendo

Papa deseja 'nova história' para os ciganos

Segunda-feira, 26 de Outubro de 2015 às 20:54

O papa Francisco recebeu nesta segunda-feira mais de 5.000 ciganos que estavam em peregrinação a Roma e desejou o início de "uma nova história" sem prejuízos à sua comunidade.

"Eu gostaria que houvesse o início de uma nova história para o seu povo! Que essa página fosse virada! É hora de erradicar os preconceitos seculares, as desconfianças recíprocas que são a base da discriminação, racismo e xenofobia", disse Francisco.

"Conheço as dificuldades de seu povo, posse ver as condições precárias nas quais muitos de vocês vivem", disse ele, referindo-se a suas visitas nos arredores de Roma.

Com este encontro, o primeiro entre o pontífice e ciganos peregrinos de todo o mundo, o Vaticano celebra o 50º aniversário da primeira visita de um Papa, Paulo VI, a um acampamento de ciganos em Pomezia, ao sul de Roma.

O evento ocorreu no grande salão Paulo VI, com canções, danças e testemunhos.

"Nós não queremos assistir as tragédias familiares onde as crianças morrem de fome ou em chamas", insistiu o Papa, pedindo também aos ciganos para que se esforcem para se "integrar".

"Em meio a tanto individualismo, também é dever de vocês trabalhar para construir periferias mais humanas. Podemos fazer isso sendo bons cristãos, evitando qualquer coisa que não é digna de tal nome: mentir, enganar, brigar", disse ele.

O Papa argentino também destacou a importância da educação. "Seus filhos têm o direito de ir à escola, não os impeçam! É dever dos adultos garantir que as crianças vão para a escola!", afirmou, solicitando aos Estados que "garantam vias de formação adequadas para os jovens ciganos".

© Verdade FM
BRLOGIC