Notícias » Interior

 

Últimas notícias

  • 10/11 15:04 - Mais de 100 toneladas de lixo são encontradas em penitenciárias de Itamaracá

    Continuar lendo
  • 9/11 21:13 - Mega-Sena especial tem 3 sorteios e prêmio de R$ 55 milhões nesta semana

    Continuar lendo
  • 9/11 21:09 - Campanha contra câncer de próstata do Hospital Português vai atender até 300 homens

    Continuar lendo
  • 9/11 21:08 - Atentado com mulheres-bomba deixa 4 mortos no Camarões

    Continuar lendo
  • 9/11 21:06 - OAB fechará posição sobre apoio ou não ao impeachment no início de dezembro

    Continuar lendo
  • 9/11 21:04 - Relator setorial do Bolsa Família contraria Barros e rejeita corte

    Continuar lendo
  • 9/11 20:59 - UPE começa a divulgar os cartões de inscrição do SSA3

    Continuar lendo
  • 9/11 20:58 - Agência do Trabalho oferece vagas de emprego em Santa Cruz do Capibaribe

    Continuar lendo
  • 9/11 20:57 - Duas mulheres morrem após colisão entre carro e cavalo em Garanhuns

    Continuar lendo
  • 9/11 20:56 - Família diz que menino morreu atropelado por metrô no Recife

    Continuar lendo

Homem mata ex-mulher e passa noite ao lado do corpo em Ponte dos Carvalhos

Terça-feira, 3 de Novembro de 2015 às 21:19

Será enterrado na tarde desta terça-feira (3), no Cemitério Santo Estevão, em Ponte dos Carvalhos, no Cabo de Santo Agostinho, o corpo de Mariane da Silva Barreto assassinada a facadas pelo ex-companheiro no domingo (1). Jairo José Barbosa se entregou à polícia  no dia seguinte ao crime e, de acordo com a delegada Maria Alice D'Arci, teria passado à noite ao lado do corpo da ex-mulher.

O homicídio foi motivado por ciúmes. Segundo a polícia, a vítima recebeu uma ligação e os dois iniciaram uma discussão. "Ele foi até a cozinha, pegou uma faca de serra e deu uma facada embaixo do peito esquerdo dela", contou a delegada. "Enquanto ela vinha à óbito ele ficou em cima, esganando e pressionando o rosto contra a parede. Ela pedia para não morrer", disse Maria Alice D'Arci após o depoimento do suspeito.

De acordo com as investigações, o relacionamento do casal era marcado por brigas, principalmente quando Jairo bebia. Por causa das agressões, ele já foi enquadrado duas vezes na Lei Maria da Penha. Segundo os parentes de Mariane, os dois estavam separados há 15 dias, mas no domingo ela resolveu se encontrar novamente com ele novamente.

© Verdade FM
BRLOGIC