Notícias » Economia e Negócios

 

Últimas notícias

  • 10/11 15:04 - Mais de 100 toneladas de lixo são encontradas em penitenciárias de Itamaracá

    Continuar lendo
  • 9/11 21:13 - Mega-Sena especial tem 3 sorteios e prêmio de R$ 55 milhões nesta semana

    Continuar lendo
  • 9/11 21:09 - Campanha contra câncer de próstata do Hospital Português vai atender até 300 homens

    Continuar lendo
  • 9/11 21:08 - Atentado com mulheres-bomba deixa 4 mortos no Camarões

    Continuar lendo
  • 9/11 21:06 - OAB fechará posição sobre apoio ou não ao impeachment no início de dezembro

    Continuar lendo
  • 9/11 21:04 - Relator setorial do Bolsa Família contraria Barros e rejeita corte

    Continuar lendo
  • 9/11 20:59 - UPE começa a divulgar os cartões de inscrição do SSA3

    Continuar lendo
  • 9/11 20:58 - Agência do Trabalho oferece vagas de emprego em Santa Cruz do Capibaribe

    Continuar lendo
  • 9/11 20:57 - Duas mulheres morrem após colisão entre carro e cavalo em Garanhuns

    Continuar lendo
  • 9/11 20:56 - Família diz que menino morreu atropelado por metrô no Recife

    Continuar lendo

Dólar cede 0,55% e fecha pelo terceiro dia seguido abaixo de R$ 3,80

Quinta-feira, 5 de Novembro de 2015 às 20:41

O dólar cedeu mais um pouco nesta quinta-feira, 5, e continuou abaixo dos R$ 3,80. O recuo foi influenciado pela oferta do Banco Central de mais US$ 500 milhões ao mercado e alguns números negativos divulgados nos EUA.



  •  

O dólar à vista terminou em baixa de 0,55%, aos R$ 3,7759. Foi o terceiro dia consecutivo em que a cotação permaneceu abaixo dos R$ 3,80 - o que não ocorria desde o início de setembro. O dólar para dezembro recuava 0,48% às 17h38, aos R$ 3,811.

A moeda americana chegou a subir no início do dia, dando continuidade ao movimento de ontem, puxada pelas declarações da presidente do Fed (banco central dos EUA), Janet Yellen, de que o aperto monetário no país pode acontecer em dezembro. Mas os leilões do BC imputaram um viés de baixa, reforçado por dados dos EUA, como os pedidos de auxílio-desemprego nos EUA, que subiram para 276 mil na última semana, acima da previsão de 260 mil.

O BC ofertou US$ 500 milhões em dois leilões de linha com o objetivo de garantir a liquidez neste fim de ano, quando aumentam as remessas de filiais às matrizes que estão no exterior.

© Verdade FM
BRLOGIC